topo

VITINHO - 12 de Junho
Hoje está chovendo, o céu chorando Eu sem você aqui Te desejando e sonhando Tudo é tão triste aqui Vendo nosso álbum de fotografias Lendo o seu livro de poemas As nossas alianças totalmente abandonadas Empoeiradas, consumidas pelo tempo Lamento quando assisto à nossa fita Gravado estava o nosso casamento As rosas que eu te dei viraram pó Junto com os sonhos dedicados a nós dois Todo ano é assim Eu não te tenho e nem te espero mais 12 de junho é assim Triste dia dos namorados Te chamo, e você nem aí Te ligo e ouço a sua voz calado Eu tenho que admitir que ainda estou apaixonado Todo ano é assim Eu não te tenho e nem te espero mais 12 de junho é assim Triste dia dos namorados Te clamo, e você nem aí Te ligo e ouço a sua voz calado Eu tenho que admitir que ainda estou apaixonado
COMENTÁRIOS